Glamouragem Morro dois Irmãos Archives - Glamouragem
viagens category image
Trilhas legais no Rio de Janeiro
Postado dia 31.07 às 10:00

Que uma das coisas que eu mais amo fazer na vida é viajar acho que não é segredo pra ninguém né? Mas fala sério, existe alguém que não goste de viajar na vida? Conhecer novos lugares é sempre incrível.

Pra quem é do Rio, como eu, o post de hoje não deve ser uma novidade, mas pra quem é turista é uma sugestão para conhecer o RJ de outros ângulos fugindo um pouco do clichê de sempre (Cristo redentor, Corcovado e etc…). Não que esses pontos turísticos também não sejam incríveis, mas conhecer o RJ de outro ângulo vai te deixar ainda mais apaixonado pela cidade.

Minha sugestão? Trilhas!

Pra começar nada melhor que a trilha com a vista mais linda do RJ, em minha opinião, Morro dois irmãos.1

A trilha sai da Favela do Vidigal que fica entre São Conrado e Leblon, Zona sul carioca, para subir é preciso pegar um táxi ou um ônibus que te deixe no pé da UPP que fica no final do morro.

Saindo de Copacabana os ônibus que te deixarão lá são 557, 382, 360, 177; da Barra da Tijuca, 525, 2334, 2338, 360; do Centro do Rio 2334, 177, 2335.

Chegando lá você pode seguir de Kombi ou Mototaxis que ficam a disposição para te deixar bem no pé da trilha. Quem preferir também pode contratar Guias Locais que te guiaram durante todo o percurso.

A trilha dura aproximadamente de 30 minutos à 1 hora, depende muito de seu condicionamento físico. A subida é um pouco íngreme e ao chegar ao topo à mata é um pouco fechada, o que pode incomodar, mas a vista compensa. Com um visual de 360º para as praias do Leblon, Ipanema e arpoador, a Lagoa Rodrigues de Freitas,  Rocinha e Vidigal… É recompensador.

A dica não só para essa mais para todas as trilhas é que você chegue bem cedo, pois costumam encher bastante.

Trilha da Pedra Bonita2

A trilha da Pedra Bonita é considerada de dificuldade fácil. A pedra localizada em São Conrado é conhecida pelos voos de Parapente e Asa delta com vista para as praias da Zona sul e também para as praias da Barra e Recreio, logo a sua frente também é possível ver o Cristo Redentor e a famosa Pedra da Gávea.

Você pode ter acesso tanto de carro ou ônibus. Para chegar até lá de carro, partindo da Zona Sul da cidade, deve-se pegar a autoestrada Lagoa-Barra, pegar a saída para o Joá e subir a Estrada das Canoas (mão dupla). Logo na interseção com a Estrada da Pedra Bonita tem uma placa indicando a subida para a rampa, na mão contrária. Pra quem decidir ir de ônibus, a linha 448 (Maracaí x São Conrado) passa pela entrada da subida para o estacionamento.

Como eu disse a trilha é considerada fácil e demora em torno de 40 minutos para chegar até o topo, apesar do terreno íngreme e de mata fechada não tem grandes escaladas ou pedras.

Trilha Pedra da Gávea3

A trilha da Pedra da Gávea é, sem dúvidas, a mais pesada de todas que citei nesse post. Com duração de em média de 6 a 8 hrs, sendo de 2 a 3 hrs de subida e algumas partes expostas ao sol e também necessita de “escalada” requer bastante preparo físico.

Do seu topo, 844m acima do nível do mar, avista-se a Barra da Tijuca, Jacarepaguá, São Conrado, Zona Sul, Baia de Guanabara, e em dias com boa visibilidade a Região Serrana e o Dedo de Deus.

Por ser uma trilha bastante perigosa é imprescindível à companhia de algum guia ou alguém que conheça bem a pedra.

O acesso da principal trilha para a Pedra da Gávea é no final da Estrada do Sorimã que é acessada pela Barrinha (sub-bairro da Barra da Tijuca), onde no final dessa estrada existe uma pracinha onde estacionamos os carros. A trilha começa no final da estrada ao lado direito de um portão verde (número 936). No começo da trilha existe um placa com um mapa e um resumo das informações da trilha que inicialmente passa por um caminho colonial de pedras com alguma ruínas históricas.

Nunca em hipótese alguma se esqueça de levar água e biscoitos ou coisas para comer, geralmente durante essas trilhas é impossível encontrar alguém vendendo algo.

Além do visual recompensador, trilhas são ótimas opções de passeios incríveis e saudáveis. Se você é turista nunca se esqueça de trocar seu dinheiro antes em casas de câmbio, assim já facilita bastante caso precise comprar algo no caminho.

Espero que tenham gostado desse tipo de post. =)